[Séries] Continuum


Semana passada, falei sobre as séries que aborda a distopia, e como comentei brevemente a série Continuum, hoje falarei mais sobre ela.

Sinopse: Um grupo de terroristas fanáticos escapa de sua execução no ano de 2077 e voltam no tempo até o ano de 2012. Responsáveis por organizar uma revolução com a qual eles pretendiam derrotar um sistema que eles consideravam opressivo, os terroristas pretendem matar os ancestrais daqueles que eles consideram seus inimigos. Cabe a dedicada policial Kiera Cameron a difícil tarefa de recapturá-los.


No ano de 2077, Kiera foi a responsável pela prisão de nove dos piores terroristas de sua época. Sendo assim, ela conhece todos eles, e talvez por isso, logo notou que alguma coisa iria dar errado na hora da execução deles. Sem saber o que poderia ser a policial atravessa numa fissura do tempo, voltando 65 anos no passado.

E é assim que a série começa. Vemos o último terrorista sendo preso por ela, e o plano deles já em ação, derrubando os prédios das corporações.

Voltando para 2012, ela conhece, ou melhor, apenas comunica-se através de um chip implantado na cabeça dela com um jovem de dezessete anos que é o gênio da computação. Apesar de ele não saber quem é a garota que “invadiu” o sistema dele, Kiera o conhece.


Ele é Alec Sadler, o chefe de seu marido na sua época. E posso dizer que foi ele o causador de tudo isso, não que ela saiba. Não sabemos também a real intenção dele com Kiera, já que, no dia da execução dos prisioneiros, ordenaram que ela entrasse na sala com os terroristas. Quando o marido de Kiera pediu para o chefe dela que a retirasse de lá, apenas vimos um olhar para Alec e este o balançar negativamente a cabeça.

Talvez seja por vingança de prender os terroristas, e resolveu mandá-la para o passado, ou tem algo mais na historia.

O importante, é que o Alec jovem é o único que sabe de onde ela vem, e o que ela veio fazer. Sendo um importante aliado, só não sei se vai durar muito tempo. Ele a ajuda com seu uniforme especial, já que ao fazer uma viagem do tempo, ele foi danificado. E também ajuda com as informações que ela precisa para capturar os terroristas e ficar informada com o mundo de 2012.


Também conhecemos Carlos Fonnegra, o policial que fica intrigado com Kiera desde o primeiro incidente com os terroristas. Para se aproximar do crime, ela se passa como uma policial de outro lugar que está atrás desta organização. É claro que muitas coisas acontecem, e mesmo ajudando-o muitas vezes nos crimes, ela não confia nele, sendo sempre misteriosa e mentindo o tempo todo para ele e sua equipe.

A série tem alguns flashbacks do ano de 2077 que explica muitas coisas importantes, como por exemplo, a vida de um dos terroristas, Matthew Kellog.

Ele não era exatamente um rebelde, e sim sua irmã que foi morta ao fugir dos policiais. Kiera pensa que ele fazia parte, mas ele estava na hora errada, no lugar errado. Com a irmã morta, ele foi preso no lugar dela. No entanto, percebemos que ele não está nem ai para essa organização. Chegando a ano de 2012, ele tenta fazer que os seus comparsas mudem de ideia. Kellog quer uma vida boa, uma nova vida. Até ajuda seus familiares.


Kiera ainda não acredita na inocência dele, mas o rapaz está sempre a ajudando como pode para destruir os outros da Libert8(ele quase foi morto por eles e praticamente expulso da organização e vive num iate). E ele está caidinho de amores por ela, mas acho que vamos ver um triangulo amoroso acontecendo. Carlos e Kiera são puro amor, mesmo que não tenha rolado nada entre eles.

Eu amei essa série deste o piloto até a season finale. Ele é dinâmico e prático, não fica enrolando com a trama. Tem alguns momentos engraçados por parte de Kiera ao tentar se maquiar(em 2077 a maquiagem é um pequeno spray que passa nos olhos *o*), e outras gírias que ela não conhece. Conhecemos as tecnologias que aqui parece um sonho, mas no futuro é um paraíso.


Os personagens são cativantes e bem explorados, cada um tem uma importância na trama. Como Kiera que mesmo sendo durona, nos momentos de fraqueza, ela reflete uma mulher frágil e sonhadora, com a vontade de rever sua família.

Quem gosta de ficção cientifica, viagem do tempo, distopia e todas essas coisas de futuro, tecnologias avançadas, é um prato cheio.


Quem quiser conhecer a série Continuum, não deixe de ver o trailer.



Fico por aqui.
Comentários
7 Comentários

7 comentários:

  1. Sou viciada em séries e nunca tinha ouvido falar dessa acredita?
    Adorei a indicação e vou procurar assistir um ep para ver se gosto.

    bjs
    Tais
    http://www.leitorafashion.com.br

    ResponderExcluir
  2. Não conhecia essa série. Achei bem interessante, apesar de não curti distopias.

    ResponderExcluir
  3. Fiquei com vontade de assistir!

    ResponderExcluir
  4. Gosto de historias assim, e não conhecia a serie, interessante ^^

    ResponderExcluir
  5. Adoro séries de tv, e essa é a primeira que aborda distopia de que tenho notícia, assisti ao trailer e gostei muito. Ótima dica. =]

    ResponderExcluir
  6. Ok, mais uma serie pra minha lista. Adorei!

    ResponderExcluir
  7. Essa série parece que foi escrita pra mim. Gosto de todos esses ingredientes em uma série. Mais uma para minha listinha.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir

Deixe sua opinão ;)

Comentários ofensivos serão excluídos.
Caso tenha um blog, deixe o link no final do comentário.